loader image

Como identificar e agir durante uma crise de ansiedade

  •  Icone Calendario1 de novembro de 2021
  •  Icone Relogio 10:38
  •  
  • Talitha Benjamin
 Crise de ansiedade

Tem crise de ansiedade ou conhece alguém que sofre do mal? Aqui você encontra a ajuda necessária sobre o assunto! Saiba identificar, cuidados e muito mais!

Pensamentos irracionais. Sensação de angústia e desespero. Impressão de que algo horrível vai acontecer. Batimento cardíaco acelerado, falta de ar e dor no peito. Todos esses são alguns dos sintomas que podem indicar uma crise de ansiedade, um episódio crítico de um transtorno de saúde mental que está presente na vida de muitos brasileiros. 

É normal se sentir ansioso por conta de situações cotidianas, no entanto, a crise de ansiedade é um pouco mais grave que isso. É um incidente específico que causa emoções como angústia, nervosismo e insegurança de forma intensificadas a ponto de causar sintomas físicos. Ela geralmente acontece devido a situações de extrema antecipação e estresse ou devido a uma experiência traumática, como, por exemplo, sofrer uma perda muito grande, precisar fazer uma entrevista de emprego ou ser vítima de um assalto.

De acordo com uma pesquisa feita pelo Ministério da Saúde no ano de 2020 entre os meses de abril e maio, 86,5% dos entrevistados se enquadram em algum tipo de ansiedade patológica, o que significa que a crise pontual de ansiedade pode atingir qualquer pessoa, por qualquer motivo minimamente estressante. Saiba abaixo como lidar com os episódios e quando procurar ajuda psicológica.

Como identificar uma crise de ansiedade?

A crise de ansiedade acontece de forma muito relativa à gravidade da situação vivida. É uma espécie de curto-circuito do organismo, que libera um aumento espontâneo dos hormônios adrenalina e noradrenalina, responsáveis pelas manifestações físicas, ou seja, os sintomas mais comuns da crise de ansiedade. São eles:

  • Sensação paralisante de que algo muito ruim vai acontecer;
  • Pensamentos irracionais (como, por exemplo, imaginar conclusões precipitadas sobre a situação vivida);
  • Batimento cardíaco acelerado e dor no peito;
  • Formigamento no corpo;
  • Náusea ou dor no estômago;
  • Falta de ar;
  • Tremores;
  • Sensação de sufocamento ou afogamento;
  • Transpiração excessiva.

O que fazer numa crise de ansiedade?

A gravidade da crise vai depender da frequência dos sintomas ou da situação vivida (algumas podem, por exemplo, ser resultado de alguma experiência traumática), por isso, é importante ter aconselhamento psicológico assim que possível. No entanto, se você passa por um episódio deste, é importante, antes de mais nada, saber se acalmar para aliviar os sintomas e conseguir pensar racionalmente. Veja algumas dicas abaixo:

Preste atenção na sua respiração

Um dos sintomas da crise da ansiedade é a respiração acelerada, ou a sensação de sufocamento. O primeiro passo para se acalmar durante um episódio é controlar a respiração. Lentamente, inspire profundamente pelo nariz e expire o ar pela boca. Isto vai ajudar a melhorar a oxigenação do cérebro, diminuindo o desconforto.

Distraia-se dos pensamentos irracionais

Durante a crise de ansiedade, é comum que você tenha um milhão de pensamentos simultâneos, em geral, irracionais, o que aumenta a sobrecarga emocional e a sensação de descontrole. A recomendação dos especialistas em saúde mental, ao se encontrar diante de uma crise de ansiedade, é distrair-se do turbilhão de emoções e sensações: você pode fazer isso focando na sua respiração, ou contando até dez repetidas vezes. Outra dica boa é ocupar a mente com alguma atividade que tire o foco do problema como, por exemplo, ouvir música, desenhar ou caminhar. Mas lembre-se: durante uma crise, é bom evitar estímulos que podem agravar a sobrecarga emocional, como celular ou TV.

Utilize a imaginação guiada para retornar ao presente

A imaginação guiada é uma ferramenta poderosa para aliviar os sintomas causados por uma crise de ansiedade. Ela consiste em imaginar um lugar tranquilo, como uma paisagem em branco e, gradualmente, adicionando elementos ao cenário, como quem desenha um lugar agradável. Este exercício é ótimo para controlar o estresse, pois te ajuda a focar os pensamentos em um cenário fora da situação atual. 

Procure ajuda psicológica

A crise de ansiedade pode acontecer com qualquer pessoa, em qualquer situação de extremo estresse. Apesar disto, é importante que você procure aconselhamento psicológico, para garantir que a recuperação seja saudável e eficaz, já que a crise pode ser um evento traumático que pode vir a se repetir. Você pode também procurar um atendimento emergencial no SUS (Sistema Básico de Saúde). Assim que for diagnosticada a crise, você será encaminhado para o acompanhamento psicológico.

Além desses passos, é importante abrir uma conversa sobre a importância da saúde mental e da criação de espaços de acolhimento e carinho para cuidar do seu bem-estar:

Quando a crise de ansiedade se torna um transtorno?

Crises de ansiedades podem acontecer em períodos de grande estresse, ou após acontecimentos traumáticos, mas é preciso estar atento à frequência e a gravidade das ocorrências. Se os sintomas e as emoções passam a interferir no seu dia a dia, causando outros sintomas como insônia, perda de concentração, irritabilidade e inquietação, ou que interfiram no seu desempenho profissional ou nas suas relações pessoais, é possível que você esteja sofrendo de Transtorno de Ansiedade Generalizada, condição que atinge mais de 20 milhões de brasileiros.

Não existem testes laboratoriais que comprovem a existência de um distúrbio de ansiedade, portanto, o diagnóstico só pode ser feito através da exclusão de outras condições médicas. Um psiquiatra ou um psicólogo também farão o diagnóstico através da psicoterapia, que vai analisar a incidência dos pensamentos irracionais, preocupações excessivas e os episódios de crise de ansiedade. 

Caso seja identificada a presença de um transtorno de ansiedade generalizada, o profissional irá avaliar qual será a melhor forma de tratar o paciente. Em geral, é utilizada uma combinação de psicoterapia com medicação especial para tratar os sintomas da ansiedade. Outros hábitos também podem aliviar os sintomas do transtorno, como uma alimentação balanceada, uma rotina de exercícios físicos e outras atividades que requerem foco e energia.

Seja qual for o nível da sua ansiedade, não deixe de procurar ajuda psicológica para cuidar da sua saúde mental! Veja abaixo mais dicas de bem-estar:



Escreva ou responda um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Conheça o nosso Instagram!

  • Cadê as Salon Lovers que amam mimos? 🎉
Fiquem de olho porque as promos estão incríveis nesse Salon Show de aniversário!Vem acompanhar o que caiu no “Gira, Gira Salon Line” e depois, já sabe: corre pra loja online www.salonline.com.br ou ligue (11) 5026-6416 para pegar o seu cupom de um jeitinho especial. LIGA, LIGA, LIGA! 📞@carolmanprim @euryansilva @juuhguedes_
  • Expectativa x realidade
Quem tem cabelo grande entende. 😅#expectativa #realidade #cabelogrande #cabelopreso
  • Pelo menos os dois estão brilhando. 😅✨#gloss #brilho #batom #beauty
Cadê as Salon Lovers que amam mimos? 🎉 Fiquem de olho porque as promos estão incríveis nesse Salon Show de aniversário!Vem acompanhar o que caiu no “Gira, Gira Salon Line” e depois, já sabe: corre pra loja online www.salonline.com.br ou ligue (11) 5026-6416 para pegar o seu cupom de um jeitinho especial. LIGA, LIGA, LIGA! 📞@carolmanprim @euryansilva @juuhguedes_
1 dia ago
View on Instagram |
1/3
Expectativa x realidade
Quem tem cabelo grande entende. 😅#expectativa #realidade #cabelogrande #cabelopreso
Expectativa x realidade Quem tem cabelo grande entende. 😅#expectativa #realidade #cabelogrande #cabelopreso
2 dias ago
View on Instagram |
2/3
Pelo menos os dois estão brilhando. 😅✨#gloss #brilho #batom #beauty
Pelo menos os dois estão brilhando. 😅✨#gloss #brilho #batom #beauty
3 dias ago
View on Instagram |
3/3
Pular para o conteúdo